SEMINÁRIO N. S. APARECIDA

quinta-feira, 14 de junho de 2012

UM POVO QUE ACREDITA NA REVOLUÇÃO


havana pode nos parecer uma cidade do século passado, uma cidade caindo aos pedaços, casas velhas, carros velhos, gente modestamente trajada nas ruas, para os padrões capitalistas. só que tem uma grande diferença, os cubanos olham nos olhos do outro, não abaixam a cabeça para ninguém, são todos dignos de uma nação, ridiculamente entrincheirada pelo famigerado capitalismo estadunidense, uma ilha que não oferece perigo a ninguém, uma covardia enorme que o país [eua] que tem o nome de deus no dinheiro está fazendo, que deus é este, uma vergonha o embargo econômico que estão fazendo com esta pequena nação que reluta em manter pelo menos sua gente no mesmo nível de vida, pois é, além do mais, está em cuba a solução para a crise econômica em que estamos atravessando, o estadunidense não contenta com apenas um carro, quer dois, três, quatro, sei lá, não se dá conta de que tem gente passando fome, isso está cada vez mais minando o capitalismo que para sustentar tudo isso tem emitido dez vezes mais que o lastro a quantia em dinheiro, 60% da riqueza mundial está nas mãos de 5% da população mundial, na índia, um país que tem milhões de famintos, um crápula muito rico, construiu um prédio de 23 andares com três hélio-portos só para a sua família, é isso que o sistema capitalista leva as pessoas a fazerem. em cuba, quando o fidel castro notou que tinha gente melhorando a fachada de suas casas, proibiu mediatamente o processo que iria acabar criando constrangimento aos que não teriam condição de fazer o mesmo, o ator rubens de falco (in memoriam) vivia visitando a ilha, assim como faz periodicamente nosso compositor e escritor chico buarque, existem muita coisa boa por lá que a nossa grande imprensa tem medo de mostrar, maradona tem até uma tatuagem do fidel castro na perna, e, quando surge problemas de saúde, imediatamente corre para lá. estamos num túnel cuja luz lá no fundo se chama cuba, deixou de ser quintal dos estados unidos, é isso que os estadunidenses de modo geral não suportam, agora, para piorar mais as coisas,  tem uma blogueira infeliz por aí fazendo o maior sucesso, porque ela está falando mal do regime de castro e, por isso mesmo, está sendo respaldada pelo dinheiro americano do norte, não gosto nem de citar o nome dela, mas se o prezado leitor se interessar direi, por enquanto vou ficando por aqui.  


2 view comments
voce está falando de yoani sánchez?eu li uma entrevista com ela feita por helio doyle (por trás de yoani sánchez) fiquei fascinada com o banho de história que o entrevistador deu nessa blogueira despreparada,como percebi que vc também não vai com a cara dela,dá uma conferida http://brasil247.com/pt/247/poder/34966/por-tr%c3%a1s-de-yoani-s%c3%a1nchez.htm,ainda bem que a dilma não deu muita importancia a essa moça ,apesar da insistência do pig.abraços.
íris, você me surpreende a cada dia que passa, você é mesmo antenada com tudo e de uma forma muita séria e sempre preocupada com a verdade dos fatos, esta blogueira cujo nome não vale a pena citá-lo, segundo o jornal brasil de fato [não sei se você conhece este jornal, aqui em juiz de fora ele é vendido somente numa banca de revista e ainda por cima fica meio escondido], sozinha esta blogueira cubana não teria capacidade financeira e nem técnica para manter seus ataques ao governo de havana, pois bem, vou dar uma conferida no site que me propôs, é isso aí.
um abraço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUANDO A MÍDIA ANUNCIA UMA GREVE, O GREVISTA É O PRIMEIRO AFETADO.