sábado, 3 de dezembro de 2016

o monge e o samurai


a sabedoria oriental é fantástica, geralmente é evidenciada através de histórias como esta:
certa vez, um guerreiro samurai descansava sob uma árvore, quando de súbito, viu um monge budista passando por ele.
com a intenção de perturbar o velho monge, o samurai gritou, - o que são o céu e o inferno de que tanto vocês falam?
o monge parou e olhando nos olhos do temido guerreiro, disse, - como você é ignorante!
o samurai ofendido e enraivecido, se levantou, já empunhando sua espada mortífera, mas foi contido pelas palavras do monge - isto que você vai fazer é o inferno.
sem graça, o samurai colocou a espada de volta na bainha e o monge continuou - isto é o céu.


quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

ser

existe apenas uma natureza fundida de matéria e espírito, a primeira é inerte, a segunda é móvel, ambas não existem separadas, todas as coisas têm espírito, por isso nada é permanente, está sempre em movimento, os peles vermelhas diziam coisas como, espírito da floresta, das montanhas, dos animais, inclusive o do homem.
um corpo sem espírito entra em estado de putrefação, no entanto, o espírito deste corpo podre já estará em outro que está iniciando a vida.
ninguém morre, seu espírito está sempre migrando para outra morada para começar do zero, nada restará das informações do cérebro anterior, salvo a hereditariedade que é uma maneira a parte da natureza preservar os instintos na coluna espinal que penetra o cérebro ativando a glândula pineal a entrar em contato com o mundo astral, o mesmo acontecendo com os animais, com os vegetais e com os minerais.
não existem mundos paralelos, não tem como um corpo ocupar o mesmo espaço do outro.
as dimensões serão sempre três, especulam que o tempo seria a quarta, mas qual o quê, se ele não existe, sei que estou contrariando muitas teorias célebres, mas é o meu ponto de vista.
o universo é único e infinito, cheio de mundos maravilhosos e não-maravilhosos, jesus mesmo foi bem claro, - existem muitas moradas na casa do meu pai.
portanto, estamos sempre existindo, o nosso eu é ilusório, é uma criação do nosso próprio cérebro e ele está contido nas nossas sinapses que trocam informações através dos neurônios, com a morte tudo volta ao nada, assim como aconteceu com as nossas inúmeras vidas regressas, seria uma loucura lembrar de como elas foram.
o importante é existir, to be or not to be?, to be.

anibal werneck de freitas.

espiritismo 10 x catolicismo 0


com uma coisa eu concordo plenamente, o espiritismo dá de 10 a 0 no catolicismo, por que digo isso?, muito simples, o católico prejudica uma pessoa, depois se arrepende, pede perdão a deus e pronto, está limpinho de todo o pecado cometido, não passa por nenhum momento de sofrimento, isso não é justo.
já no espiritismo, a pessoa tem que pagar pelo que fez de ruim, se não for nesta vida, pagará noutra.
outra coisa que não compreendo é condenar uma alma ao suplício eterno no chamado inferno, não tem cabimento, todo ser humano merece uma chance, e, com todo respeito aos que acreditam neste inferno, pra mim não faz o menor sentido, não imagino deus vendo seus filhos que pecaram sofrendo eternamente, perdoem-me, mas quem acredita nisso está completamente equivocado, 
não quero com isso denegrir a imagem da igreja, muito pelo contrário, o papa francisco deveria rever estes conceitos ridículos que perduram até hoje desde os tempos medievais, naquela época o homem era bem diferente do de hoje, acho uma insensatez, nós, do século xxi, continuar acreditando nestas besteiras.
por enquanto vou ficando por aqui.

anibal werneck de freitas.

terça-feira, 29 de novembro de 2016

ESTAMOS SOZINHOS NESTE MUNDO AGRESSIVO

Confesso que  tentei voltara trás, todavia, mediante aos fatos que ocorrem no mundo, sou obrigado a não acreditar em Deus e muito menos em deuses. A realidade é aqui e agora. Sou obrigado a ser portador desta triste constatação, ou seja, estamos sozinhos num planeta vulnerável que tem os seus dias contados até o Sol deixar de existir. Os cientistas estimam cerca de 4 bilhões de anos. Até lá, não estaremos aqui para ver esta hecatombe.
Por isso devemos combater tudo aquilo que prejudica o homem. Por exemplo, se os corruptos não pagarem pelos seus roubos, vão viver tal como sultões, comendo do bom e do melhor, humilhando a maioria como de sempre e nada lhes acontecerá de ruim. Há quem diga, Um dia eles vão morrer e a terra há de comê-los, também, porque a morte nivela todo mundo. Discordo do idiota que disse isto. Não existe nenhuma compensação nisso, porque o rico gozou a vida e o pobre, não.
Os religiosos dizem, Mas existe vida após a morte. Como? de que maneira?, pergunto eu. Quando morremos, nossa mente se esvai por completo na hora em que o cérebro apaga a sua última luz. 
Sendo assim, a Natureza surgiu do caos e está sempre se retornando a ele. Quando vejo um bebê, todo saudável, eu fico triste porque um dia ele se transformará num velho decrépito, isto se chegar até lá.
Hoje pela manhã, meu filho chegou com a notícia de que o avião da delegação do time de futebol, Chapecoense, tinha caído e a maioria morreu. A vida é isso aí. O caos está sempre presente.
Por isso eu digo, não existe nada lá encima e, por isso mesmo, devemos estar sempre alertas, esta é a verdade lúcida e cristalina.  

anibal werneck de freitas.

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

CAMINHANDO PARA O ABISMO

Se não temos como fazer algo de bom para com próximo, tenhamos pelo menos compaixão para com os que sofrem neste momento, nos leitos de hospitais, nos campos de batalha, no frio, na fome, na miséria e na dor, tenhamos sempre o sacrifício de sentirmos também vitimas deste holocausto, no qual o mundo está se transformando, confesso que ultimamente tenho me poupado do dever de escriba, devido às mazelas cotidianas que estão sempre arrefecendo nossa vontade, pois estamos passando por um instante terrível que mais parece um pesadelo, sinto que estamos caminhando para um mundo cada vez mais belicoso, digo isto, porque no mundo ocidental, principalmente, a Direita vem ganhando a passos largos o lugar do povo, erigindo assim, governos fascistas, onde a violência, a homofobia, o machismo e outros ismos negativos estão ficando cada vez mais em evidência.

anibal werneck de freitas.

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

A VIDA COMO ELA É


Somos eternos através dos nossos filhos. Sei que muita gente não gosta de ouvir esta verdade. Confesso que tentei ver a coisa por outro ângulo, mas vi que é pura ilusão. O problema é que nós carregamos a semente do egocentrismo. Não aceitamos a morte como o fim de tudo e deste modo viajamos na maionese de que somos eternos. A própria Bíblia é muito clara, Somos pó e a ele retornaremos. 
Por isso devemos valorizar esta vida que estamos usufruindo. Milhões de seres não tiveram a mesma sorte. A bem da verdade, estamos nesta vida porque uma série de fatores naturais ocorreram para erigir nossa existência. 
Deixar de existir um dia não é tão ruim assim. Pelo menos
deixaremos de sofrer. 
Ao invés de ficarmos apegados às crendices religiosas, devemos aproveitar o tempo desenvolvendo nossa inteligência. Fomos criados pela natureza para junto com ela evoluirmos para um mundo melhor. Chega de imaginar coisas mirabolantes, a vida aqui é o que importa. Confesso que andei tentando mudar, todavia, percebi o abismo que estava se abrindo sob os meus pés, ou seja, o abismo da ignorância. ainda bem que voltei atrás e estou tentando passar para quem quiser se libertar o pouco do que eu sei. Nós não somos um trem que só anda nos trilhos e muito menos ovelhas que só fazem aquilo que o pastor quer. Está na hora de acordar para o nosso verdadeiro propósito aqui neste planeta, ou seja, viver a vida como ela é realmente.

anibal werneck de freitas.