segunda-feira, 9 de novembro de 2015

CANTO BARROCO



A música é uma língua universal. Quando ouvia os Beatles e não sabia nada de inglês, eu, praticamente, entendia o espírito da coisa. Sendo assim, eu acho a música soberana. Ela transpõe qualquer tipo de barreira. Ela nos mostra o quanto somos capazes de erigir coisas bonitas. Segundo Schopenhauer, ela [a música] é quase divina, porque só o som pertence ao mundo material.

annibal. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OS CALHAMAÇOS NÃO SÃO LIVROS, SÃO CASTIGOS.