SEMINÁRIO N. S. APARECIDA

terça-feira, 10 de junho de 2014

O ESTADO VERDADEIRAMENTE LAICO


Estado laico pra mim significa irreligioso, sendo assim não pode ter nenhum sinal que caracteriza uma religião, como por exemplo, um crucifixo, nem a palavra Deus pode ser dita num pronunciamento presidencial, porque aí estará desrespeitando o ateu, o agnóstico e o irreligioso. Por isso eu digo, para decretar o laicismo tem que pensar muito, porque o berço da humanidade se baseou em crenças, a descrença veio depois, portanto é muito complexo, e, pelo o que eu vejo no andar da carruagem, o laicismo não está sendo levado como deveria, tanto pelo Governo quanto pela maioria dos governados, porque tem muita gente que ainda não entendeu o seu significado. Por exemplo, o juramento feito com a mão sobre a Bíblia, num tribunal, fere a Constituição no que diz a respeito do laicismo. Nós temos que entender o seguinte, tudo aquilo que se refere à religião só pode ocorrer nos templos ou em movimentos afins. O Estado que é laico não pode permitir propaganda religiosa no meios de comunicação em hipótese alguma, porque isso dá o direito ao ateu ou ao agnóstico ou ao irreligioso fazer a sua, também. Como você pode ver, o assunto é muito complexo. 

anibal werneck d freitas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

NÃO DÁ PRA FICAR CALADO

Confesso que não estou aguentando mais este silêncio de Deus frente aos horrores que vêm acontecendo no planeta. Será que as religiões estão...