SEMINÁRIO N. S. APARECIDA

quarta-feira, 3 de abril de 2013

A SÍNDROME DO PÂNICO






no minidicionário da língua portuguesa de silveira bueno, a palavra síndrome significa uma reunião de sinais e sintomas provocados por um mesmo mecanismo e dependentes de causas diversas e pânico, terror infundado ou alvoroço.
agora, porque resolvi fazer este texto sobre a síndrome do pânico?,  por duas razões, pelo fato de ter este problema e pelo desejo de compartilhar com as pessoas que têm ou não o mesmo mal, melhor dizendo, tentar ser útil trocando informações e, ao mesmo tempo, passando a minha experiência que vem de longa data, todavia, antes de começar a contar as minhas crises, quero deixar bem claro que esta doença não é fatal, pode ser contornada e sem remédios, porque o disparate está em nossa cabeça e nós não podemos deixá-la sobrepujar o nosso eu.
como você pode ver, esta síndrome leva qualquer um à loucura, se a gente não encará-la com firmeza, ela na verdade faz com que a vítima
chegue a pensar que vai morrer, parece até que ela [a síndrome do pânico] gosta apenas de nos assustar e o pior é que ela assusta mesmo, e como assusta!

anibal werneck de freitas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- A FILOSOFIA É A MINHA RELIGIÃO. - NENHUMA RELIGIÃO É MELHOR QUE A OUTRA, PORQUE A VERDADE É UMA SÓ. - A VERDADE ESTÁ ENTRE O CRENTE E O ...