SEMINÁRIO N. S. APARECIDA

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

OS ZERÓIS



a teu ânimo, o meu desânimo para com os mercenários, homens que lutam pelo dinheiro, não pela pátria, a revista de história da biblioteca nacional trouxe o assunto que foi capa, perdoe-me, mas não gostei, uma revista conceituada como esta em momento algum questionou estes homens que para mim são matadores de aluguel, pelo contrário, ela [a revista] os exaltou, uma lástima, como professor de história fiquei indignado com a matéria, nunca vi a famosa legião estrangeira com bons olhos, são matadores em nome dos poderosos, pessoas infelizes na vida que se engajam nela [legião estrangeira] para descarregar no mais fraco todo o seu recalque, a revista perdeu uma oportunidade de questionar o mercenário, geralmente eles lutam contra países pobres e indefesos, realmente, não gostei, acho que nem vou mais comprar esta revista, uma pena, todavia, não posso compactuar com o que está errado, nota 0 para a edição 79 de revista  de história da biblioteca nacional, para mim estes homens não são heróis, são zeróis.



















anibal werneck de freitas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- A FILOSOFIA É A MINHA RELIGIÃO. - NENHUMA RELIGIÃO É MELHOR QUE A OUTRA, PORQUE A VERDADE É UMA SÓ. - A VERDADE ESTÁ ENTRE O CRENTE E O ...