SEMINÁRIO N. S. APARECIDA

terça-feira, 31 de julho de 2012

SPINOZA SE ENGANA QUANDO DIZ QUE O HOMEM NÃO É LIVRE


















A Natureza é Deus para Spinoza, portanto concluímos que Deus tem também átomos assim como nossa alma. Spinoza dizia que Jesus anunciou a razão, mas o Cristianismo continuou como um novo Judaísmo combatendo assim a ciência, tanto Deus quanto a Natureza são uma substância única [monismo], por isso não existe independência entre alma e extensão, pois tudo é Natureza, somos expressões de um tudo que nos controla, todavia não nos faz de marionetes, no entanto se sairmos deste controle cairemos no erro, neste caso, só Deus [Natureza] tem liberdade plena, o controle do nosso corpo é um atributo da extensão, nem sobre o nosso pensamento temos um controle total, a visão de Spinoza nesta questão é sob a perspectiva da eternidade, mas acontece que há equívoco quando diz que Spinoza coloca o homem sem liberdade, não é bem assim, o homem é livre quando cria [arte], é um momento perigoso porque ele pode pagar caro, porque as leis da Natureza são rígidas, temos como exemplo a explosão da Base Espacial de Alcântara*.

* Acidente de Alcântara

Origem: Wikipédia

Às 13h30min (horário de Brasília) do dia 22 de agosto de 2003, uma enorme explosão destruiu o foguete brasileiro VLS-1 V03 em sua plataforma de lançamento no Centro de Lançamento de Alcântara durante os preparativos para o lançamento, matando 21 técnicos civis.[1][2]
O objetivo da missão, nomeada Operação São Luís, era colocar o satélite meteorológico Satec do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais e o nanosatélite Unosat da Universidade do Norte do Paraná em órbita circular equatorial a 750 km de altitude.

NO DEUS DE ESPINOSA EU ACREDITO


Em decorrência do que disse a respeito de que cabe ao homem desvendar os mistérios do mundo coberto pelos benditos véus não foge à regra espinosista, porque o mundo é Deus e Deus é o mundo, tudo é uma coisa só, a diferença é que Deus [segundo Espinosa] tem infinitos atributos e nós, seres vivos e inanimados temos apenas dois, ou seja, corpo e mente, embora é bom deixar claro que não podemos comparar a  mente da pedra com a do homem, mas a bem da verdade tudo é uma coisa só, podemos dizer que Deus é a própria natureza, ele não a criou, se surgiram, surgiram juntos, o que não levo em conta porque na verdade sempre existiram, sua essência é infinita enquanto que a representação materialista de Deus é finita mas está sempre em evolução, você pode estar boquiaberto mas tudo o que eu disse até aqui sempre teve muito a ver com o espírito espinosista, a diferença está no fato de não ter o costume de citar a palavra Deus que sempre dá ideia daquele lá da Bíblia, até porque o Deus de Espinosa não é este transcendente, o de Espinosa é imanente, portanto devo render à Espinosa que o mundo é realmente a marca indelével de que ele existe, uma mente que tudo rege de forma recíproca, cada objeto no universo, mesmo uma pedra [como já disse acima] tem corpo e mente e ambos são atributos da substância  e a substância é Deus, no qual tudo é explicado, portanto, em relação ao Deus Judaico-Cristão, o criador,  eu continuo ateu, não acredito num Deus lá e eu aqui, isso não existe pra mim, já o de Espinosa, sim!

Anibal.

O RESPEITO PELA ESCOLHA


Os meus protestos para com as religiões são os preconceitos que a maioria delas geram Entre as pessoas, as mentiras criadas para justamente amedrontar os fiéis, ameaçando-os quando questionam ou descumpram alguma ordem e, por fim, a lavagem cerebral , a pior de todas as ações praticadas a favor do interesse de uma minoria dominante. Devo deixar bem claro que, mesmo com tudo isso, não sou contra elas, muita gente não consegue encarar a realidade, por isso precisa acreditar em alguma coisa, mas não ao ponto de sacrificar sua vida, sua única certeza, eu, por exemplo, acredito só no momento em que estou vivendo, não consigo ir além e, você pode até me perguntar, Como você consegue viver feliz sabendo que a morte é o fim de tudo, Minha resposta é muito simples,  aceitando a morte como algo natural e necessário, valorizando a vida como o bem mais precioso do universo e o privilégio de que estou existindo, não me interesso por mais nada, até porque não tem nada mesmo esperando por mim depois desta, Mas você não acredita no céu prometido pelas religiões como a última morada dos bons, Confesso que não, aliás eu acho esta ideia muito infantil, e põe infantil nisso, muitos perdem a vida acreditando nesta ideia fantasiosa, você pode reparar, as pessoas que vivem em países onde a religião domina totalmente, como por exemplo, os do Oriente Médio, parecem não dar o mínimo pela vida, por qualquer motivo estão se sacrificando, fazem tudo isso porque acreditam numa recompensa depois da morte, ou seja, um paraíso onde haverá só alegria. Agora, tem uma coisa, apesar de ser contra essas ideias religiosas, eu as respeito, o caminho que elas tomam na vida, só não respeito quando as religiões enfiam suas ideias goela abaixo das crianças, porque ninguém nasce religioso, tem que haver um respeito da pessoa escolher o seu caminho, disso não abro mão.

Anibal.

segunda-feira, 30 de julho de 2012

SOMOS UM MUNDO QUÂNTICO / The Quantum World!

Se todo mundo sabe que vai morrer um dia porque então o medo de encarar a verdade nua e crua, quer coisa pior que a morte, acredito que a verdade por pior que seja não chega aos pés da Dama de Negro com a foice na mão, você veja bem, o que é um velório, nada mais que um véu escondendo o que existe realmente por trás, velório vem de véu, as pessoas que estão em volta do morto não sabe o que está realmente acontecendo com ele, não sabe se a alma dele foi para outro mundo, ou se ele findou-se de vez ali, ninguém tem certeza de nada, é o véu funcionando, cada religião fala uma coisa, até alguns filósofos se arriscam a especular a vida depois da morte, vamos parar de cobrir a verdade com o véu da mentira, de que adianta eu ficar me enganando através de religiões que falam isso ou aquilo, está na hora de encarar de frente a morte, as religiões dão muitas asas a ela, principalmente as monoteístas do deserto, é por isso que sou mais ligado à filosofia oriental onde a metafísica fica em segundo plano e onde a ideia de um deus é praticamente vaga ou quase inexistente porque são mais pés no chão, aí vem alguém e diz, Mas o mundo velado é mais interessante, é mais atraente, Aí eu pergunto, e daí, de que adianta, se a morte chega e deixa todo mundo a ver navios, numa tristeza arrebatadora, num desespero sem par, por isso no lugar de ficarmos lamentando devemos procurar tirar os véus através da ciência e só assim seremos um dia felizes realmente, a História nos mostra uma quantidade enorme de véus removidos através do estudo científico, acredito piamente que um dia saberemos o que existe por trás da morte, o mundo é feito de átomo e se a alma existe ela também tem átomos, a física quântica está aí sendo desvencilhada pelo homem, a Partícula de Deus já foi descoberta [pra mim os cientistas colocaram este nome pra fazer uma média com a Igreja que tem a mania de meter o bedelho na ciência, é, como dizia José Saramago, A Igreja só se preocupa com o corpo e não com a alma], para as religiões o mundo velado é a garantia de continuarem existindo, elas têm medo da ciência porque sabem que um dia ela chegará lá e mostrará  a verdade nua e crua, portanto, o que existe realmente está confinado em 99,99999999999999999% de átomos num restante de um vazio infinito, não existe o lado de fora deste vazio, explicando melhor, se não acredita, prove o contrário, enfim, para refrescar um pouco a cuca, aí vai o vídeo com a música e a letra em inglês com a tradução, The Quantum World!, é uma aula de física quântica,






The Quantum World!

So... what are we really made of?
Dig deep inside the atom
And you'll find tiny particles
Held together by invisible forces.
Everything is made up
Of tiny packets of energy
Born in cosmic furnaces.
The atoms that we're made of have
Negatively charged electrons
Whirling around a big bulky nucleus.
The Quantum Theory
Offers a very different explanation
Of our world.
The universe is made of
Twelve particles of matter
Four forces of nature.
The universe is made of
Twelve particles of matter
Four forces of nature
That's a wonderful and significant story.
Suppose that little things
Behaved very differently
Than anything big.
Nothing's really as it seems.
It's so wonderfully different
Than anything big!
The world is a dynamic mess
Of jiggling things!
It's hard to believe
That Quantum Theory
Is so strange and bizarre
Even Einstein couldn't get his head around it.
In the quantum world,
The world of particles,
Nothing is certain.
It's a world of probabilities.
The quantum theory
Offers a very different explanation
Of our world.
The universe is made of
Twelve particles of matter
Four forces of nature.
The universe is made of
Twelve particles of matter
Four forces of nature.
That's a wonderful and significant story
It's very hard to imagine
All the crazy things
That things really are like
Electrons act like waves.
No they don't exactly.
They act like particles.
No they don't exactly.
We need a theory of everything (need theory of everything)
Which is still just beyond our grasp (still just beyond our grasp)
We need a theory of everything (need theory of everything)
Perhaps the ultimate triumph
The ultimate triumph of science.
The Quantum Theory
Offers a very different explanation
Of our world.
The universe is made of
Twelve particles of matter
Four forces of nature.
The universe is made of
Twelve particles of matter
Four forces of nature.
That's a wonderfully and significant story.
I gotta stop somewhere...
I'll leave you something to imagine!


TRADUÇÃO,

O mundo quântico!
Symphony of Science
 
Então ... o que estamos realmente feito?
Cavar fundo dentro do átomo
E você encontrará pequenas partículas
Realizada em conjunto por forças invisíveis.
Tudo é feito
Dos pequenos pacotes de energia
Nascido em fornos cósmicos.
Os átomos que somos feitos de ter
Elétrons carregados negativamente
Girando em torno de um núcleo de grandes e volumosos.
A Teoria Quântica
Oferece uma explicação muito diferente
Do nosso mundo.
O universo é feito de
Doze partículas de matéria
Quatro forças da natureza.
O universo é feito de
Doze partículas de matéria
Quatro forças da natureza
Essa é uma história maravilhosa e significativa.
Suponha coisas que pequenas
Comportado de forma muito diferente
Do que qualquer coisa grande.
Nada é realmente o que parece.
É tão maravilhosamente diferente
Do que qualquer coisa grande!
O mundo é uma bagunça dinâmica
De sacudindo as coisas!
É difícil de acreditar
Que a teoria quântica
É tão estranho e bizarro
Mesmo Einstein não poderia ficar com a cabeça em torno dela.
No mundo quântico,
O mundo das partículas,
Nada é certo.
É um mundo de probabilidades.
A teoria quântica
Oferece uma explicação muito diferente
Do nosso mundo.
O universo é feito de
Doze partículas de matéria
Quatro forças da natureza.
O universo é feito de
Doze partículas de matéria
Quatro forças da natureza.
Essa é uma história maravilhosa e significativa
É muito difícil imaginar
Todas as coisas loucas
Que as coisas realmente são como
Elétrons agem como ondas.
Não, eles não fazem exatamente.
Eles agem como partículas.
Não, eles não fazem exatamente.
Precisamos de uma teoria de tudo (precisamos de uma teoria de tudo)
Que ainda está um pouco além do nosso alcance (ainda um pouco além do nosso alcance)
Precisamos de uma teoria de tudo (precisamos de uma teoria de tudo)
Talvez o triunfo final
O triunfo da ciência.
A Teoria Quântica
Oferece uma explicação muito diferente
Do nosso mundo.
O universo é feito de
Doze partículas de matéria
Quatro forças da natureza.
O universo é feito de
Doze partículas de matéria
Quatro forças da natureza.
É uma história maravilhosamente e significativa.
Eu tenho que parar em algum lugar ...
Vou deixar alguma coisa para você imaginar!

NÃO SERIA O LIVRE ARBÍTRIO DA NATUREZA


Na sua obra ALÉM DO BEM E DO MAL, Nietzsche especula sobre a verdade, mas deixa claro, Por que não a mentira, afinal quem somos nós, o Édipo ou a Esfinge, de qualquer forma somos ao mesmo tempo enganados e enganadores, Nietzsche questiona por exemplo a fé que para ele não é a fonte ideal para se chegar à verdade, é coisa dos metafísicos e no entanto, os filósofos de sua época teimam em levá-la em conta, todavia o próprio Nietzsche fala de filósofos que estavam chegando e pensando de forma contrária aos seus contemporâneos, afinal, no campo da metafísica o homem simplesmente especula no imponderável, o filósofo por sua vez especula também só que no ponderável, Nietzsche critica a ideia de que o homem nem sempre é a medida de todas as coisas, isto porque ele [o homem] segue mais o instinto do que o pensar filosófico, o atavismo como a hereditariedade sempre falam mais alto, como se fosse uma coisa determinada, como uma estrada já traçada para ser caminhada,  por mais livre que o homem seja para pensar filosoficamente, ele está sempre submisso a este determinismo que parece ser uma forma de conservação da espécie, é a força da natureza frente ao Livre Arbítrio, hoje através de estudos mais avançados descobriu-se na natureza uma disputa em torno da genética do altruísmo e da origem da bondade que geralmente vence a genética egoísta, segundo o professor Wilson que estuda insetos na Universidade Harvard ele vê que a Natureza Humana como suspensa no equilíbrio entre esses dois extremos onde os grupos cooperativos superam os egoístas e, se nós humanos fôssemos iguais aos insetos seríamos criaturas robóticas, todavia, uma coisa é certa, nossa História foi moldada por essas duas forças, estamos presos entre elas

Anibal Werneck de Freitas

PORQUE NÃO TENHO RELIGIÃO


Nasci de família católica, fui coroinha e até cheguei a fazer o seminário menor para ser padre, hoje, sou casado e criei meus filhos sem religião, um dia perguntei a todos eles, Vocês estão satisfeitos por não ter uma religião, eles riram e me responderam, Sim pai, a vida já é tão difícil, pra quê complicá-la ainda mais, fiquei alegre com a resposta sincera deles e me senti recompensado, ainda me lembro quando saí do seminário, passei mais de uma década sofrendo com a ideia de que tudo era pecado, Deus parecia ser um grande olho me seguindo o tempo todo, um beijo numa garota era um verdadeiro terror dentro de mim, custei superar tudo isso, mas até hoje ainda carrego as sequelas, ainda bem que meus filhos não passaram por isso, os seminários menores foram realmente inviáveis, teriam que acabar um dia,

Anibal

domingo, 29 de julho de 2012

O PODER ACIMA DE TUDO


O dogma religioso, o fanatismo político e a propaganda enganadora são as principais bombas que despedaçam o espelho da verdade, antigamente, quem pensava diferente do Vaticano era queimado vivo como aconteceu com Giordano Bruno, o monge dominicano que nunca foi ateu, acreditava em Deus só que de uma maneira diferente da Igreja, recentemente, o frei Leonardo Boff  foi, também, condenado pela Igreja e é hoje, infelizmente, o Papa Bento XVI quem o condenou, mostrando assim que a Igreja continua a mesma do tempo de Bruno, até quando, Jesus Cristo, Gautama Buda, Lao-Tsé e todos os instrutores autênticos do caminho espiritual ignoraram a hierarquia ao contrário da Igreja que a coloca em evidência criando assim uma verdadeira burocracia só para mostrar poder, pois bem, os grande líderes religiosos não tinham nada disso, falavam diretamente ao coração das pessoas, nenhum desses líderes espirituais citados acima fundou uma igreja, o que eles queriam apenas era trazer a paz e fazer a humanidade pensar numa vida melhor com mais amor e carinho, acredito que foi exatamente por este motivo que as hierarquias religiosas perseguiram a maioria deste místicos e pensadores porque eles representavam uma ameaça ao poder que sempre tiveram sobre os fieis*

* A ausência do ponto significa que a vida continua, porque ponto significa morte,

Anibal

sexta-feira, 27 de julho de 2012

NÃO CONFIO NOS PROFETAS

























Uma das razões que me levaram a criar meus filhos sem religião está no fato de que todas elas têm o seu profeta e, eu, particularmente, não confio neles. Homens que se dizem predestinados por Deus, que se dizem mensageiros do Altíssimo, etc, etc, etc... não merecem, perdoem-me os crentes, da minha parte nenhuma credibilidade, porque eles são predestinados, acaso são especiais perante o Criador, não acredito neles e é muito simples entender minha incredulidade, veja bem, segundo pesquisas, os Grandes Profetas da História são,
1)    Nostradamus,
2)    Aranha Negra,
3)    Fátima,
4)    Dom Bosco,
5)    O Apocalípse,
6)    Mago Merlim
7)    Monja de Desdren,
8)    Malaqias,
9)    Paracelso,
10)                      Mago Ladino
11)                      Rasputin,
12)                      Padre Pio,
13)                      Tereza Neuman
14)                      Edgar Cayce
15)                      João XXIII*
16)                      Os Profetas Contemporâneos.

Segundo o que me consta, cada um fala uma coisa e a preocupação de justificar suas profecias só acontece depois do fato consumado
Vamos começar pelo Nostradamus, um profeta que deixou uma obra confusa baseada em centúrias onde os versos falam coisa com coisa, ou seja, sem o menor sentido racional e os estudiosos conseguem ver neles uma identidade muito grande com os fatos que acontecem, mas isso só depois do acontecimento, as torres gêmeas destruídas no dia 11 de setembro de 2001 só foram identificadas na obra do profeta depois do ocorrido, o certo seria antes, mas não, só depois do fato é que surge a profecia do dito cujo, é na verdade uma interpretação dos estudiosos nos versos intricados do profeta.
Outro profeta, o Aranha Negra de Baviera se notabilizou profetizando o fim de famílias poderosas na Europa, o que de fato aconteceu, mas não foi nenhuma profecia se levarmos em conta de que nada é eterno nesta vida e que estas famílias brigavam entre si pelo poder e pela riqueza e depois, a própria conduta do Aranha Negra não era nada normal, o homem largou tudo e foi morar sozinho numa gruta. Gente que age deste jeito são vítimas de alucinações. A mentira é tão grande nas profecias de Aranha Negra que até Tancredo Neves estava nelas, como temos no exemplo, ‘Estrela cuja luz aturdiria a ditadura, mas que morreria ao cair da noite’, pois é, tiveram a coragem de aplicar esta frase à morte do estadista Tancredo Neves, a gente nota aí uma forçação de barra tremenda, um desrespeito à inteligência de qualquer ser humano, porque é uma frase que pode ser aplicada a muitos homens importantes da História.
Eu por exemplo posso fazer uma profecia também,

O Sol não dará mais a sua luz
enquanto um homem governar
manchas de sangue irão brotar
nas vestes brancas do Marajá.

Se estes versos fossem anteriores à morte do Imperador líbio e se eu fosse um profeta famoso iriam dizer que ali estava o destino do chefe de estado que foi massacrado pela população.
Já sobre as profecias na carta de Fátima contendo três segredos, a I Guerra Mundial, a II Guerra Mundial e a Bomba Atômica sobre Nagasaki e Hiroshima, não foi nada estupendo porque até os historiadores já sabiam [através de estudos] que o mundo estava caminhando para estes acontecimentos uma vez que cada nação estava se voltando para os seus problemas criando assim uma rivalidade muito grande entre elas que iria culminar fatalmente numa guerra mundial.
É por isso que não dou a mínima para as profecias.

*João XXIII, o único que merece todo o meu respeito, mas não como profeta e sim como homem íntegro.

Anibal Werneck de Freitas.

A ARTE EVIDENCIA O NÃO EVIDENTE NA REALIDADE


O primeiro é a origem de tudo, é imponderável, nada verdadeiro dele sabemos, apenas o especulamos onde podemos inserir os religiosos com suas revelações e os filósofos com suas razões, já o segundo mundo é palpável e sentido, pode ser estudado pelos cientistas e apreciado por nós ao qual chamamos de natureza e, bem, o terceiro somos nós os humanos, seres inteligentes e que também pode ser dissecado pelo conhecimento, tanto o primeiro quanto o segundo devem ser esmiuçado pelo homem, agora, tem uma coisa interessante, até o cético acredita que a arte é a evidência do não - evidente na realidade, talvez a arte seja o caminho em direção ao primeiro plano, Inconcebível, na verdade os três planos estão ligados um ao outro no sentido norte-sul, todavia, há uma brecha neste caminho movida pela arte que faz justamente o trajeto ao contrário, ou seja, sul-norte, acredito nisso. Deste modo chego à conclusão de que a ARTE é a coisa mais sagrada que temos dando jus à sentença, ela é a única façanha que engloba os três planos num único.

Anibal.

- A FILOSOFIA É A MINHA RELIGIÃO. - NENHUMA RELIGIÃO É MELHOR QUE A OUTRA, PORQUE A VERDADE É UMA SÓ. - A VERDADE ESTÁ ENTRE O CRENTE E O ...