terça-feira, 26 de junho de 2012

ASTROLOGIA, ATÉ QUANDO?


como fica a astrologia que tem o destino do homem nos astros já definidos por ela com a descoberta de novos planetas? a resposta dada pelos astrólogos mais parece com uma desculpa esfarrapada ao dizerem que as descobertas  de novos planetas elucidaram melhor antigas interpretações astrológicas, é por isso que a astronomia serve ao cético porque ela trabalha com evidências empíricas.
o filósofo carnéades fez objeções específicas à astrologia, ele assinalou que o filho de um rei e de um escravo , mesmo que nascidos no mesmo instante, ainda assim tinham destinos diferentes, assim também os judeus que nasciam em países diferentes apresentavam as mesmas características, e deste modo, ele [carnéades] fez outras comparações refutando o poder dos astros sobre o destino do homem.
dois astrônomos profissionais escreveram em 1979 o livro ‘the gemini syndrome, star of the oldest kind’, no qual se esforçaram em desacreditar a astrologia lidando com ela [astrologia] na idade média e argumentando que houve um declínio significativo dela na aproximação empírica com a ciência onde predominava a aproximação filosófica para a aquisição de conhecimento.
sendo assim, a astrologia desde a idade média sempre pegou carona com a astronomia, o mesmo acontece até hoje, na verdade a astrologia sempre esteve de olho na astronomia para se adaptar às novas descobertas.
terminando, tem hora que eu me pergunto, como os jornais sustentam a grande mentira chamada de horóscopo?, deve ser para fins comerciais enquanto a ignorância imperar. 

anibal werneck de freitas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANGELS AND DEMONS

The angels are flesh and blood, they are always helping and protecting us, are our parents, siblings, friends, even strangers. Thanks to th...